Novos dados confirmam importância da descoberta de Carcará

Rio de Janeiro, 13 de agosto de 2012, A QGEP Participações S.A. (BMF&Bovespa: QGEP3) informa que os novos dados obtidos com a perfuração do poço que testa o prospecto Carcará confirmam a importância da descoberta realizada no pré-sal da Bacia de Santos. Esta acumulação localizada no Bloco BM-S-8 já foi objeto de dois Fatos Relevantes publicados pela companhia em março e junho deste ano. A Queiroz Galvão Exploração e Produção S.A. detém 10% de participação no Bloco, o qual é operado pela Petrobras (66%). Os demais parceiros são a Petrogal Brasil (14%) e a Barra Energia do Brasil Petróleo e Gás Ltda. (10%).

Situado em águas ultraprofundas, o poço Carcará perfurou até o momento uma expressiva coluna de 471 metros com óleo de 31º API, sendo mais de 400 metros em carbonatos microbiais nos quais predominam amplamente reservatórios com excelentes características de permeabilidade e porosidade. Os dados obtidos indicam que os reservatórios estão conectados ao longo de toda a coluna.

O poço encontra-se a profundidade de 6.213 metros, ainda dentro da zona de óleo, e a perfuração prosseguirá visando determinar a espessura total da coluna, bem como investigar objetivos mais profundos.

Localizado a 232 km do litoral do Estado de São Paulo, o poço está em lâmina d‘água de 2.027 metros. O consórcio dará andamento às atividades e investimentos previstos no Plano de Avaliação de Descoberta (PAD), conforme aprovado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

"Os resultados obtidos até o momento superam nossas expectativas iniciais, impactam positivamente o potencial de nossa carteira de ativos e ratificam a nossa confiança com relação às áreas recentemente adquiridas na Bacia de Santos", declara Lincoln Rumenos Guardado, CEO da QGEP.

Para acessar o documento, clique aqui.


Atualizado em 2013-12-10T09:53:02

Downloads



Apagar este documento do carrinho
Limpar Lista Baixar Documentos